Crisálidas_ Sketch Teatral

‘É como o desconforto.
A agonia de não mais se entender.
De ver (ou pensar) que a vida havia cessado, que a morte havia chegado.
Já não enxergava com óculos.
Precisamos tirá-los para «ver» que esse fim era o começo de
tudo.
Deitada entre lençóis, morrer ou criar????
Enxurradas de letrinhas e desenhos estão dentro de cadernos sem fim… Assim estava ela ali, latente, ali…
Sem nome, sem corpo… Estava o tempo todo… O tempo todo… (Quanta coisa está em nossa volta e não vemos)… Ali
tão perto… No casulo.
Um convite para falar, não da dor, mas das experiências vividas, dos prós, dos nossos eus, dos nossos nós. Na resposta imediata do nosso SIM, ela, CRISÁLIDAS, de corpo e alma, desabrochou!
E, agora estamos aqui com esse povo querido proveniente de todos os lados. E dessa vez, foi oriundo de um NÃO (os
maravilhosos trabalhos: “Desterrados… Para Além…” e o Recital: “Imaginarius Sonoros”, que inicialmente traríamos, com mais quatro amigos artistas profissionais queridos, ficou preso nas burocracias), mas nada é por acaso, o não do desencorajamento, do desincentivo da cultura e da arte nos impulsionou…
Para romper com esses NÃOS, ela na sua sapiência se prontificou e, CRISÁLIDAS novamente nos emprestou suas
asas…
Do limão se faz limonada…
Coração partido, mas com coragem, amor e determinação,
estamos, com esse povo muito estimado de além-mar…
Convidando-os…
Pois, pois, avante CRISALIDAR!’


Ficha Artística e Técnica

Interpretação | Sérgio Prosdócimo | Sandra Prosdócimo
Sonoplastia – Poema Crisálida | Sérgio Prosdócimo | Sandra Prosdócimo
Mixagem do áudio | Rodrigo Laurindo Silveira

Produção Gira-Teatro 2015


Data : 10 outubro

Horário : pelas 21h30

Local : Made In Café – Parque Urbano de Albarquel, Setúbal

*Entrada Livre

Comments are closed